OuroMoeda.com

Metais Preciosos em Português

  • Increase font size
  • Default font size
  • Decrease font size
Info

Ouro Através dos Tempos

Mover a pepita de Ouro para ver

 

Ouro físico

 

 

Características

O ouro é um metal raro, que durante milhares de anos serviu como garantia de valor, permitindo transações em períodos de grande instabilidade (fome, peste, guerra). Com o aparecimento da economia mercado e dos Estados centralizados, passou a ter um valor mais simbólico, deixando de ser utilizado nas transações quotidianas.

Se quer ter o ouro “à mão” deve comprar físico em barras, libras de ouro ou peças de ourivesaria. O valor do ouro físico evolui de forma próxima à cotação internacional do mercado. Mas o preço dos objectos e jóias de ouro, como anéis e fios, é influenciado pelo valor artístico e, por isso, é subjetivo. Na revenda, a desvalorização desses objectos pode ser muito grande. No limite, arrisca-se a receber apenas o equivalente ao peso do ouro.

  • Lingotes ou barras: com pesos entre 2,50 gramas e 12,50 quilos, a escolha depende do montante que pretende investir. Em Portugal, o preço do ouro expressa-se em euros por grama. Este preço deriva das cotações em Londres, onde o preço é fixado em dólares por onça (31,1 gramas). Neste site pode encontrar o publica o preço da cotação do ouro em barra.
  • Moedas (ouro amoedado): existem milhares de moedas de ouro diferentes com curso legal em todo o mundo. Entre as mais populares em Portugal, encontram-se a libra esterlina e os reis portugueses. No mínimo, as moedas valem o seu peso à cotação do ouro em barra do dia.
Estas são as formas mais usuais e simples de investir em ouro.

É importante ter em atenção o local e o preço do ouro onde se faz a aquisição. Há enormes diferenças nos valores entre a compra e a venda por parte dos bancos e de outras entidades até de simples barras de ouro, onde nem sequer existe um valor subjetivo como no caso das peças de ourivesaria.

 

Segurança

O preço do ouro comporta-se como o de qualquer outro metal, oscilando quotidianamente consoante a oferta e a procura existentes no mercado. No entanto, dado que se trata de um bem que vale por si só (ao contrário de uma nota de papel ou de uma acção de uma empresa, que só valem por aquilo que representam), tem um valor intrínseco.

Outro aspeto fundamental é a qualidade do ouro ou da moeda. As barras para serem puras, devem conter entre 999 e 1000 milésimas de ouro fino. Também é necessário, para qualquer peça, confirmar se trazem gravadas as punções (marcas) autorizadas, que legitimam a peça.

Ao contrário do que acontece com as barras, o preço das moedas pode ser superior ao valor do ouro que contêm. A esta diferença chama-se prémio, e depende, entre outras coisas, da sua antiguidade, do valor de coleção e da raridade. O estado de conservação das moedas também é muito importante: se a efígie ou os contornos se encontrarem danificados, ainda que ligeiramente, a moeda pode perder grande parte do seu valor (mas nunca valerá menos do que o seu peso em ouro).

 

Liquidez

O ouro, tanto em barra como amoedado, pode ser transaccionado online, nos bancos, nas ourivesarias e nas agências de câmbio.

 

 

 

 

 

Quilates

O quilate é uma unidade de medida que representa coisas diferentes, consoante falemos de ouro ou diamantes.


• No ouro, trata-se de uma medida de pureza: o ouro puro tem 24 quilates (1000 milésimas de ouro). Assim, uma peça de 22 quilates, por exemplo, contém apenas 916,67 milésimas de ouro. A libra Rainha Vitória, por exemplo, pesa 7,98 gramas, representando o ouro 7,32 gramas. Tem, assim, uma pureza de 917,3 milésimas (cerca de 22 quilates, portanto). As moedas têm, geralmente, uma parte de ouro inferior às barras, que são quase totalmente compostas por ouro puro.


• Nos diamantes, os quilates medem o tamanho (e, por conseguinte, o peso). Um diamante de um quilate pesa apenas 0,20 gramas...

 


Newsletter

Liberty Silver - Moedas de Prata sem IVA

OuroMoeda Facebook